24 e 30 de Abril

Laboratório Aprofundado de Antotipia: sustentar o quê? (14 horas)

A ANTOTIPIA (anthos = flor + typos = marca/impressão) é um processo de criação/impressão que se baseia na fotossensibilidade de certos corantes presentes na natureza. A fotossensibilidade está por todo o lado na natureza. A energia luminosa, ao incidir nos organismos fotossintetizantes, é transformada em energia química, provocando alterações nos compostos moleculares desses organismos. Embora à primeira vista a antotipia nos pareça um processo de simples execução – e de facto é –, o aprofundamento da sua prática abre um complexo campo de variáveis que nos recordam a importância da observação, do conhecimento, da intuição e do experimentalismo.

1ª parte: domingo 24 de Abril, das 10h às 18h

Manhã: Introdução teórica

→ Recursos e sustentabilidade; o processo artístico: tempo, espaço, modo e ser da obra; os fundamentos da antotipia: imagem, matéria e efemeridade.

Tarde: componente prática

→ Criação de soluções de trabalho; sensibilização dos suportes; composições e exposições.

2ª parte: sábado 30 de Abril, das 10h às 16h

→ Revelação das imagens previamente preparadas; intervenção nas provas, duplas e triplas exposições; estabilizações e acabamentos.

Valor: 75€ (inclui todos os materiais e consumíveis, bem como almoço nas duas sessões); máximo 3 pessoas.

Inscrições para: tiraolhos.info@gmail.com